Amcham reuniu especialistas em tecnologia e negócios em Porto Alegre

Inovação só vem de gente“, lembrou a coordenadora da Amcham-Porto Alegre, Rosane Dias, na abertura do Fórum de Tecnologia nos Negócios, essa manhã. E de fato, mais de duzentas pessoas, entre empreendedores, empresários e CIOs estavam reunidos no Teatro do CIEE na capital gaúcha para debater o caráter constante da inovação no mundo digital.

 

O cenário do palco que recebeu os convidados ditava o tom das palestras: um canteiro de obras lembrando uma construção coletiva no ramo da tecnologia. O primeiro palestrante foi o gerente de estratégias de TI e Arquitetura de Serviços da IBM Brasil, Marcelo Piassarollo. Durante a apresentação, o gerente destacou a importância de otimizar os serviços com base na organização dos processos, comprovando dados a partir do CEO Study, estudo feito com exclusividade pela IBM para apontar quais as principais demandas e atribuições a serem aplicadas na TI.  De acordo com Piassarollo, é o desalinhamento de TI e negócios que vai determinar os novos rumos inclusive da comunicação no ramo da tecnologia: “Do acordo entre TI e negócios é que vai nascer uma conversa de diversas outras áreas, onde será possível debater qual valor será agregado”, defendeu.

 

A segunda palestra foi protagonizada pelo diretor da Pontomobi Interactive, Leo Xavier. O empresário apresentou dados a respeito de internet móvel em telefones celulares e aparelhos da categoria. Por exemplo, a informação de que quatro a cada dez usuários acessam a internet quando estão em movimento. Além disso, Leo destacou a importância das compras em aparelhos móveis como a principal inovação do e-commerce: “Se eu compro no meu computador, porque não vou comprar no Smartphone?”, questionou, apresentando um case da rede Pão de Açucar, com aplicativo para celulares que teve download feito por mais de 25 mil pessoas. Ainda de acordo com Leo Xavier, 30% dos internautas brasileiros dizem ter smartphone, número maior que a Alemanha, revelando um nicho promissor para o empresariado.

 

O diretor da Red e professor da PUC-RS, Renato Rosa, foi quem trouxe as informações a respeito de consumidores, marketing e investimentos no mundo digital. Para Rosa, a mudança dos modelos de negócio é a principal importância para atrair mais que consumidores, “verdadeiros defensores da marca”. Sobre o futuro e determinações da internet, causou polêmica quando disse que a internet não poderia ser considerada uma mídia: “É mais que isso. A internet deixa de ser uma ferramenta de consumo é passa a ser uma forma de personalidade”.

 

A última palestra ficou por conta do prodígio Bernardo Porto, de apenas 24 anos e fundador da DeskMetrics. Em tom de descontração, Porto contou a breve trajetória de sua vida profissional e como o empreendedorismo é um fator importante a ser considerado principalmente no ramo da tecnologia, e ainda brincou: “’Se você quiser trabalhar com tecnologia, goste de problema“, desafiando os presentes. Atualmente, Bernardo Porto é o responsável pela start up especializada em métricas feitas em tempo real com aplicativos, comercializadas para países como Rússia, Estados Unidos e Chile.

 

 

 

 

O final do evento foi conduzido por um talk show com a participação de todos os palestrantes, que concordaram que, não importa o cargo ou a ocupação do profissional de tecnologia, e sim, a experiência: “Existem momentos na vida em que você será empresário, será funcionário, será diretor. O importante é ser feliz executando o que se gosta na sua área” finalizou Marcelo Piassarollo no Fórum de Tecnologia nos Negócios.

 

O evento, integrante do IV Ciclo de Decisões, teve organização da Amcham-Porto Alegre, patrocínio da AdvancedIT e IBM, além de apoio da American Airlines, CIEE-RS, Scunna, Unisinos e Fabulosa Ideia.

 

Crédito das imagens: Mathias Cramer/temporealfoto.com

Posts relacionados:



Deixe uma resposta