Chega o Pinterest, rede social focada em conteúdo

Sempre que uma nova rede social aparece, todos ficam atentos. Pode ser um fracasso, como pode ser o próximo Facebook. De qualquer maneira, a expectativa é grande com o Pinterest, que já vem atraindo a atenção de curiosos. A mídia funciona como uma curadoria de conteúdo, criando boletins específicos a respeito de assuntos de interesse do usuário.

Dividido por categorias, o conteúdo traz temas como gastronomia, tecnologia, crianças, fotografia, decoração, entre outros. Olhando assim, parece um simples feed, mas a proposta é que a rede consiga juntamente com as preferências de cada um, aliar materiais que interessem juntamente com a perspectiva de inserir marcas do setor na seleção dos conteúdos.

Esse é o ponto mais interessante para as empresas, já que o link para lojas online dentro dos conteúdos começa a gerar um grande tráfego – ainda que inicial – por parte dos usuários americanos do Pinterest. A relevância de marcas e serviços na rede é tanta, que os resultados acabam sendo mais otimizados que o próprio Google+, até então, queridinho dos relatórios de SEO.

Apesar de ser nova, Pinterest já está em quinto lugar como rede social que mais gera tráfego para páginas com e-commerce. Já tem até infográfico sobre o que pode acontecer com o advento da ferramenta, confira:

 

Por enquanto ainda não é possível ingressar diretamente na rede – você registra interesse na página inicial através do endereço de e-mail e espera – mas enquanto a novidade não chega, você pode ir se familiarizando com um tutorial feito por um blogueiro americano. Explica direitinho:

 

 

Posts relacionados:

>>> Facebook no topo de todas as redes

>>> Inteligência social para as redes sociais

>>> Interação nas redes sociais tem limite?

 

Posts relacionados:



Deixe uma resposta