Primeiros socorros para uma invasão no seu Twitter

Nas últimas semanas diversas grandes empresas tiveram suas contas do Twitter invadidas por hackers, do Burger King à Jeep. Falhas e erros amadores costumam ser a principal causa de invasões assim, seja por conta se senhas fracas ou ataque de vírus. Confira algumas dicas certeiras para proteger a conta de sua marca do microblog:

 

1) Essa é velha, mas a que mais funciona: altere suas senhas regularmente. O indicado por especialistas em TI é que códigos de acesso tenha no mínimo 10 caracteres, que variam entre minúsculas, maiúsculas, números e inclusivo pontuação (!). Jamais envie senhas importantes por e-mail.

 

2) Segurança vale também para o e-mail de recuperação de conta. Certifique-se que suas senhas também estejam protegidas e seu acesso a ele seja restrito e ágil.

 

3) Associe um número de telefone celular à conta. Sim, pode confiar, empresas como o Twitter podem restabelecer seu acesso à conta verificando dados por SMS. Para que o serviço funcione, você precisa informar o número e validá-lo.

 

4) Mantenha monitoramento constante de sua conta. Se a administração é terceirizada, tenha salvo na agenda de seu telefone o contato de todos os responsáveis. Agir com rapidez é vital.

 

Em caso de contas hackeadas:

 

1) Mude a senha imediatamente, se possível. Desautorize quaisquer aplicativos externos à conta que usam o login.

 

2) Se você não conseguir mais logar na conta, requisite o e-mail de verificação de senha abaixo do campo de login. Pode ser a oportunidade de resetar a conta.

 

3) Perdeu o acesso ao e-mail da conta? Tente o telefone para resetar via SMS.

 

4) No caso de nenhuma das tentativas anteriores serem bem sucedidas, tente contato com o provedor de seu e-mail para reaver o acesso à conta e, então, recuperar seu perfil.

 

5) Sobretudo para contas com tweets promovidos, associadas a alguma fonte de pagamento, reporte imediatamente o problema para o suporte do Twitter (https://ads.twitter.com/login/?help=please). Mobilize o departamento técnico para tirar do ar páginas e plug-ins sociais associados à atividade na rede.

 

6) Utilize outros canais de divulgação da conta, seja outras redes sociais ou até mesmo o site institucional da empresa, para oficializar a invasão e previamente desculpar-se por quaisquer circunstâncias.

 

 

Ao recuperar seu acesso, assegure-se de excluir todo o material indevido e reconfigurar senhas seguras.

Posts relacionados:



Deixe uma resposta